A empresa explicou que ainda deve utilizar dados PageRank internamente dentro do algoritmo de classificação

google-pagerank-fim-da-atualizacao-do-pagerank

O Google confirmou que vai a retirar a barra de ferramentas PageRank nas próximas duas semanas. A empresa explicou que ainda deve utilizar dados PageRank internamente dentro do algoritmo de classificação, mas que os valores de PageRank externos mostrados na barra de ferramentas não serão mais mostrados.

Desenvolvido inicialmente por Larry Page com a posterior colaboração de Sergey Brin, fundadores do Google, o PageRank (representado por PR) foi a base para o surgimento do algoritmo do Google. O PageRank de um site varia de 0 a 10. Poucos sites possuem PR=10, como o Google e a Casa Branca, por exemplo. No Brasil, a página inicial do UOL e do Terra alternam entre PR=6 e PR=8. Quanto mais alto for o PageRank, maior a possibilidade de um site aparecer bem posicionado na tela de resultados do Google.

Nos últimos anos era cada vez mais difícil conseguir uma leitura exata de PageRank de um site. Por um lado, o Google nunca atualizou o toolbar para o Firefox, como o navegador atualizado, tornando-se cada vez mais difícil a sua utilização. Aliás, o Chrome, o seu próprio navegador, nunca teve uma barra de ferramentas PR liberada. Apenas o Internet Explorer continuou a trabalhar com o PageRank, desencorajando os webmasters para ter um navegador em torno em uso apenas de uma ferramenta.

Outra questão é que o Google raramente atualizava os dados do PageRank. A barra de ferramentas foi deixada por muito tempo desatualizada, ficando menos útil aos profissionais de Marketing Digital.