Se a notícia for confirmada, a plataforma segue uma tendência já iniciada por seu concorrente WeChat, da holding chinesa Tencent, e pelo próprio Messenger, do Facebook

O WhatsApp está trabalhando para lançar seu sistema de pagamentos dentro do aplicativo nos próximos meses, inicialmente na Índia. A notícia foi publicada no site The Ken e replicada pela agência de notícias Reuters nesta terça-feira, dia 4 de abril de 2017.

O novo negócio, se for confirmado,  tem tudo para se tornar um sucesso, uma vez a Índia é o maior mercado para o aplicativo de mensagens, com 200 milhões de usuários. Se a notícia for confirmada pelo WhatsApp, a plataforma segue uma tendência já iniciada por seu concorrente WeChat, da holding chinesa Tencent, e pelo próprio Messenger, do Facebook.

O WhatsApp trabalha para lançar pagamentos de pessoa para pessoa na Índia nos próximos seis meses, informou o site de notícias The Ken, citando fontes não identificadas.

Um indício de que o rumor pode ser verdade é um anúncio de emprego no site do WhatsApp que informa a busca de um candidato com embasamento técnico e financeiro, que entenda a Interface Unificada de Pagamentos da Índia e o aplicativo de pagamentos BHIM, que permite transferir recursos usando números móveis.

“A Índia é um país importante para o WhatsApp e estamos pensando como podemos contribuir mais para a visão da Índia digital”, disse o porta-voz do WhatsApp, referindo-se a um programa do governo que visa aumentar o uso de serviços de Internet no país.

Agora nos resta esperar o comunicado oficial…