A internet mais rápida do mundo e o que isso tem a ver com você

Engenheiros japoneses alcançaram um novo recorde mundial para a velocidade mais rápida da internet e como isso pode impactar o nosso futuro.

Internet das Coisas

A internet mudou diversos hábitos do comportamento da nossa sociedade. Agora é fácil, por exemplo, pesquisar o que você quiser com apenas alguns cliques, se comunicar quase instantaneamente com outra pessoa e até usufruir de comodidades, como não precisar ir ao banco e ficar esperando horas em pé na fila para consultar o seu saldo.

Mas já parou para pensar que isso não foi uma revolução apenas pela criação da internet, como também reflexo da melhoria dessa tecnologia? Bem, talvez você não seja do tempo da rede discada, quando era preciso esperar vários minutos só para carregar a página de um site (e isso só faz 15 anos). Graças a melhoria na velocidade da web, hoje podemos conversar com pessoas por videoconferência, mesmo que elas estejam do outro lado do mundo.

Falando do outro lado do mundo, foi lá que um novo recorde foi quebrado. Os cientistas do Instituto Nacional de Tecnologia da Informação e Comunicação do Japão anunciaram a quebra do recorde mundial de velocidade da internet, atingindo o fenomenal marco de 319Tbps (terabytes por segundo). Isso é quase o dobro do recorde anterior de 179Tbps, atingido em 2020, por um grupo de pesquisadores japoneses e alemães. 

Talvez o motivo disso ser tão fantástico ainda não esteja claro para você. Então, vamos lembrar que um terabyte possui 1 milhão de megabytes. E a internet que usamos no dia a dia, seja em casa ou no trabalho, varia um pouco, mas está nessa ordem de megabytes. Agora imagine uma internet, literalmente, 1 milhão de vezes mais rápida.

Claro que isso não quer dizer que instantaneamente todos os usuários terão essa velocidade de internet disponível em sua casa, uma vez que esse experimento foi realizado com uma tecnologia que ainda é extremamente cara e sendo apenas o primeiro de muitos experimentos que virão para entender melhor as possibilidades e limitações.

Depois desse primeiro teste, a visão que os pesquisadores têm é que essa nova tecnologia irá ser “além do 5G” e permitirá um uso contínuo de internet sem aqueles momentos de lentidão causados por um grande número de usuários conectado ao mesmo tempo na rede.

Mesmo que essa seja uma mudança para longo prazo, vamos refletir sobre os impactos de como isso modificará a maneira como fazemos as coisas, como nos relacionamos com a internet e aumentar ainda mais a necessidade de termos uma forte presença digital. 

Que tal você já se preparar para todas as mudanças? Basta continuar acompanhando o nosso conteúdo.

Compartilhe com outras pessoas em suas redes sociais dando o devido crédito. Ficou com alguma dúvida? Envie para a gente nos comentários. Até a próxima!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.