Como começar a trabalhar com Marketing Digital: 5 dicas

Está com dificuldade em conseguir seus primeiros clientes na área? Confira as nossas dicas!

Crédito: Shutterstock

O marketing digital é um mercado que cresce a cada dia puxado pelo aumento do número de pessoas com acesso à internet, afinal o marketing precisa acompanhar o movimento dos consumidores.

Com esse aumento da procura por profissionais nas mais variadas áreas do marketing digital, muitas pessoas se interessam em ingressar nesse mercado, mas não sabem como. Neste texto vamos dar cinco dicas práticas de como fazer isso. Confira!

1. Defina o seu público e os seus serviços

O marketing digital é uma área muito extensa e que já possui algumas segmentações. Por exemplo, você pode focar em melhorar o SEO de um site, da produção de textos para blogs, da criação de ebooks, planejamento de campanhas e muitos outros. 

Atuando como autônomo você pode realizar diversos serviços ao invés de se posicionar como um especialista em uma subárea, mas mesmo assim é necessário saber quais são os serviços que você executa e para quem eles são, justamente para criar a sua própria estratégia de comunicação.

2. Criando a sua marca

Tendo a clareza de quais serviços vai oferecer e para qual nicho ficará mais fácil realizar o importante processo de nomear a sua empresa, também chamado de naming, e construir o seu universo de marca através da identidade visual e dos outros elementos de branding.

Para criar a sua marca, você precisa saber o que deseja expressar para os seus clientes, como deseja se posicionar e qual a personalidade da sua marca. Por exemplo, caso deseje expressar mais sobriedade e seriedade é bom investir em tons escuros e frio, principalmente o azul, em fontes serifadas e uma comunicação mais formal. 

3. Mão na massa

Falando de autoridade, esse é um dos requisitos mais importantes nesse mercado. Se você está oferecendo um serviço de marketing, a melhor forma de fazer isso é tendo um excelente marketing próprio. Isso trará autoridade para o seu negócio e vai fazer com que potenciais clientes já consigam mensurar os possíveis resultados ao contratar o seu serviço, o que gera interesse.

Transforme a sua própria divulgação em um portfólio dos seus serviços. Por exemplo, se você atua como social media, tenha também a produção de conteúdos no seu perfil para mostrar, na prática, o valor de um marketing bem feito para um potencial cliente. 

Possuir um bom marketing próprio pode vir combinado com um portfólio mais tradicional, reunindo um local com seus trabalhos ou com o nome das empresas clientes, agregando ainda mais valor para seu trabalho. Se sua atuação é em branding, é ainda mais importante ter esse portfólio tradicional e comum utilizar-se o Behance para isso.

4. Elaboração de briefing

O briefing é um conjunto de informações que o cliente vai passar referente ao trabalho que deseja, mas pode ser que as informações que ele pretende passar, na verdade não são o suficiente ou até não são tão aprofundadas como deveriam para você executar um bom serviço. 

Por isso tenha um roteiro de perguntas para o seu cliente, assim é possível conseguir recolher o máximo de informações possível. Esse momento de briefing pode ser realizado em um primeiro momento por um formulário que o cliente responde, mas é importante que tenha também uma reunião para alinhamento das expectativas e retirada de dúvidas dos dois lados.

Essa reunião é um bom momento para você aprofundar em uma informação que ainda ficou superficial e entender mais do contexto do trabalho que deve prestar. Um bom briefing é essencial para que o serviço entregue o máximo de valor para o cliente.

5. Planejamento

Faça um planejamento das suas tarefas. Pode ser que você esteja trabalhando em diferentes projetos ao mesmo tempo e cada um com seus prazos específicos. É muito fácil se perder em uma situação como essa.

Além de conciliar os trabalhos para seus clientes, você precisa também reservar um tempo para dedicar ao seu próprio marketing, a elaboração de propostas e orçamentos, ao atendimento a clientes e a interessados, a emissão das notas fiscais, entre outras tarefas administrativas. 

Para fazer todas essas atividades, é necessário ter um bom planejamento. Uma das maneiras de fazer isso é utilizar uma metodologia ágil, como o Scrum, em seu dia a dia.

Gostou das dicas?

Ainda tem alguma dúvida? Envie pelos comentários!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.