Mark Zuckerberg anunciou várias novidades para os grupos dentro da rede social (Foto: Divulgação/Facebook)

Mark Zuckerberg anunciou recentemente no blog do Facebook e também no seu perfil pessoal várias novidades para os grupos dentro da rede social. A companhia vai começar a promover a construção de comunidades, em vez de construir ferramentas apenas a manter as pessoas cada vez mais conectadas.

O Facebook adicionou diversos recursos novos para ajudar a crescer e gerenciar grupos, como:

  • Postagens agendadas: administradores de grupo e moderadores poderão criar e agendar temporariamente postagens em dia e horário específicos;
  • Grupo Insights: Agora, com o Group Insights, os administradores de grupo poderão visualizar métricas em tempo real em torno do crescimento, do envolvimento e da associação dos grupos – como o número de postagens e horas em que os membros estão mais envolvidos;
  • Filtragem de solicitação de associação: os grupos terão categorias como gênero e localização para facilitar a aprovação ou reprovação de membros de uma vez só. Os administradores alegavam que aceitar novos membros é uma das coisas que mais demoram. Então, foi adicionado uma maneira para eles classificarem e filtrarem pedidos de associação em categorias comuns, como gênero e local, e depois aceitar ou recusar de uma só vez;
  • Limpeza de membros removidos: para ajudar a manter suas comunidades seguras de usuários desagradáveis, os administradores de grupo agora podem remover uma pessoa e o conteúdo que criaram no grupo, incluindo postagens, comentários e outras pessoas adicionadas ao grupo, em uma única etapa;
  • Recomendações de grupos (Group to group linking): a rede social está começando a testar a ligação de grupo a grupo, o que permite que os administradores do grupo recomendem grupos semelhantes ou relacionados aos seus membros. Este é apenas o começo de maneiras que o Facebook está ajudando a aproximar comunidades e sub-comunidades.

Mais de 1 bilhão de pessoas em todo o mundo usam grupos e mais de 100 milhões de pessoas são membros de “grupos significativos”. Esses são grupos que rapidamente se tornam a parte mais importante da experiência de alguém no Facebook. Hoje, a rede social está estabelecendo um objetivo para ajudar 1 bilhão de pessoas a se juntar a comunidades significativas como essas.

E você, o que achou das novidades?

Para assistir ao vídeo explicativo clique aqui.