O Diego Ivo, CEO da Conversion, e o Léo Cabral, organizador do evento Search Master Brasil, realizaram uma pesquisa com cerca de 600 profissionais envolvidos com o mercado de SEO.

Vi os dados da pesquisa e senti que deveria compartilhá-los com vocês. Acredito que se você também trabalha com SEO, assim como eu,  irá se assustar com alguns números.

Dados gerais do perfil do profissional de SEO

Idade dos profissionais de SEO

Dados com a idade dos profissionais de SEO

Experiência dos profissionais de SEO

Dados sobre a experiência do profissional de SEO

Esse dado assusta bastante, pois demostra um mercado bem inexperiente. Na minha opinião, um profissional de SEO leva média 2 anos para pegar o jeito da coisa, ou seja, ter alguns cases, testar algumas hipóteses, até porque o tempo para vermos alguma evolução de resultados nos buscadores não é menor que 6 meses.

Conversei com Flávio Raimundo sobre o surgimento do SEO. Ele que é empresário e co-fundador do Instituto Brasileiro de Marketing de Afiliados viu o SEO nascer no Brasil em 1998 e se tornar uma solução comercial a partir de 2001. Só em 2003 o SEO começou a ter características do formato que trabalhamos hoje, isso mostra que a base do SEO que temos hoje tem apenas 10 anos.

Com essa informação fica claro ver a carência de profissionais na área.

Distribuição de cargos e o empreendedorismo no mercado de SEO

Perfil dos cargos de SEO

Formação dos profissionais de SEO

A pesquisa mostrou que mais da metade dos profissionais são graduados. Dentro os principais cursos temos:

Graduação dos profissionais de SEO

Mas é fato que a faculdade não prepara o profissional para atuar no mercado de SEO, 91% dos entrevistados acreditam nisso.

Eu sou da seguinte opinião: tecnicamente a graduação não ensina. Porém, conceitos e definições podem ser aprendidos na faculdade. Eu vejo claramente como um profissional com formação em determinadas áreas tem muito mais facilidade para aprender o lado estratégico do trabalho de SEO, diferentemente de quem não recebeu esse tipo de informação.

Remuneração dos profissionais de SEO

Salário do Profissional de SEO no Brasil

Acima temos até um quadro relativamente interessante, mas o que me assustou um pouco foi o quadro seguinte:

Diferença salarial dos profissionais de SEO

Tirando a flexibilidade e a autonomia que ganhamos ao ser dono do próprio negócios, não há vantagem nenhum ser dono de agência, considerando que os rendimentos são iguais a dos analistas e estagiários, não vale a pena pelo número de responsabilidades que isso acarreta e isso me faz enxergar duas coisas:

1 – Mais empresas que vão entrar para estatísticas brasileiros que quebram nos primeiros 2 anos, pois nesse formato o empresário tem a responsabilidade de investir no desenvolvimento dos colaboradores e também na expansão da empresa e com essa remuneração esse tipo de movimentação é extremamente limitada.

2 – Se os valores os rendimentos são baixos é por causa da valor cobrado hoje pelas empresas de SEO, que na grande maioria são números muito abaixo do que deveriam ser. Uma estratégia nociva para a sustentabilidade da empresa a curto e médio prazo.

Qual área de SEO que os profissionais mais investem seu tempo

Investimento na área de SEO

 

Outro dado interessante (e também alarmante): conversei com o Diego Ivo e pedi para ele cruzar uma informação extra da pesquisa. Conseguimos algumas informações inéditas aqui para o Digitais.

Cruzamos o tempo de experiência em SEO com os 44% que são proprietários de empresas:

Tempo de Experiência no Mercado dos Proprietários

Aqui fica o julgamento de cada um, mas a grande maioria dos empresários não têm 1 ano de experiência em SEO. Será que são empresas com trabalhos de SEO profissionais ou amadores?

Tempo de mercado dos profissionais de SEO de acordo com retirada

E por último de acordo com o tempo de experiência, temos a distribuição dos proprietários com retiradas superiores a R$ 12.000,00.

Fonte: http://www.conversion.com.br/otimizacao-de-sites-seo/o-profissional-de-seo-e-marketing-digital-brasil/

O que achou dessa pesquisa? Quais são suas opiniões sobre o mercado de SEO? Deixe aqui nos comentários.

 

Co-Fundador do Digitais do Marketing e Diretor na Agência St,  participante ativo do mercado de marketing de busca e atuando na área desde 2009, professor de SEO, Links Patrocinados e Google Analytics em escolas de formação de profissionais de e-commerce. Atuou em diversos projetos ao longo da sua experiência, ajudando no aumento de receita dos negócios, com geração de leads, e presença digital, através de estratégias de marketing digital. Sempre focando no desenvolvimento de novas estratégias que possam gerar resultados cada vez mais expressivos, conforme as atualizações e novidades que cercam o mundo dessa área.

  • Muito bom sua visão Edu! Parabéns pelo artigo

  • Excelente artigo.

  • Renato Braga

    Realmente, são dados assustadores!

  • Muito boa a sua visão em relação a pesquisa da Conversion Eduardo Storini.

    Sabemos que ainda temos muitos profissionais amadores trabalhando com SEO, infelizmente isso faz parte.
    Ver que 33% dos proprietários de empresas ganham equivalente a um estagiário, é profundamente lamentável.

    Parabéns pelo artigo. Grande abraço!

  • Vinicius de Castro

    Faz tempo que não dou uma olhada aqui … mas nunca é tarde para elogiar!

    Parabéns pelo Artigo Storini! Também para o Leo e para o Ivo!