Inovação, a melhor saída para a crise

Imagem: Reprodução Internet

A economia brasileira está passando por um momento difícil. Segundo fontes oficiais, 7,9 milhões de brasileiros estão desempregados. A região com a maior taxa de desemprego é o Nordeste com 9,6%. É em momentos difíceis que a genialidade costuma aparecer mais. E esse é o melhor momento para que a “lampadazinha” da criatividade brilhe nas mentes das pessoas para que as portas das oportunidades sejam abertas.

Mas, como começar a inovar ? 
Inovação não é igual a receita de bolo, onde você segue uma sequência de passos e “voilà”, deu certo! A inovação tem que ser bem planejada e estudada, tem que verificar diversos fatores para que se possa, enfim, colocar um plano de negócios em prática.
Imagem: Reprodução Internet
Imagem: Reprodução Internet
Como escolher o melhor nicho de mercado?
Como dito anteriormente, devem ser analisados diversos fatores para seguir um segmento de mercado, como público-alvo, local do empreendimento ou a existência ou não de um investimento (R$) inicial. São muitos fatores que os futuros empreendedores devem verificar com muita paciência e critério para conseguir o melhor resultado possível.

É indiscutível que hoje uma das melhores setores para inovar é o da tecnologia. A internet é um dos canais da tecnologia mais fáceis de empreender por oferecer muitos serviços que possibilitam a geração de receitas.

Você, caro leitor, pode ter uma loja virtual com ou sem produtos próprios através dos MarketPlaces ou shoppings virtuais. A sua loja virtual pode ser uma franquia de lojas maiores ou espaços onde você venda seus produtos sem ser exatamente em uma plataforma própria.

Também é possível gerar receita através de publicidade em canais como Vlog (Vídeo Blog) e/ou blog através de ferramentas de publicidade. Quanto melhor o conteúdo, mais acessos o blog terá e, consequentemente, mais receita será gerada. Ainda existem muitos outros meios, quanto mais você buscar, mais oportunidades aparecerão.

Inovar não é fácil. Mas tentar é a melhor saída que temos. Não caia na armadilha de pensar que o seu empreendimento dará certo a curto prazo porque, na maioria das vezes, não dá. No empreendedorismo tem um verbo específico chamado “pivotar”. O termo é derivado do inglês to pivot (“mudar” ou “girar”) e significa uma mudança radical no rumo do negócio.

Quando um modelo de negócios não é validado e precisa ser modificado, pode até ser modificado totalmente. Meu conselho é: inove, empreenda e principalmente, não tenha medo de pivotar.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.